Como funciona a governança corporativa em um sistema de franquias?

Por Construlino - 16 de outubro de 2017

O franchising é um dos modelos de negócio que mais cresce no Brasil. Por isso, a governança corporativa em sistema de franquias tem sido cada vez mais levada em consideração ao se buscar um investimento.

Como funciona a governança corporativa em um sistema de franquias?

Essa atenção à governança é natural: se nenhuma franqueadora assegura a garantia do sucesso — afinal, esse é um trabalho que deve ser feito em parceria com o franqueado —, o mais seguro é investir em uma empresa com processos de gestão e transparência consolidados.

Para entender melhor essa relação, siga conosco e veja como funciona a governança corporativa em sistema de franquias!

Como funciona a governança corporativa em sistema de franquias?

Embora ainda recente no Brasil, o termo Governança Corporativa já é bastante falado nos Estados Unidos e na Europa desde o início da década de 1990. O objetivo do empreendimento nesse modelo de gestão é dar mais transparência aos processos decisórios da empresa para todos os seus públicos.

Sustentada pelos valores de transparência, responsabilidade, equidade e prestação de contas, a governança corporativa se adapta ao sistema de franquias ao fornecer todas as informações necessárias para que o franqueado faça a melhor opção quando escolhe onde investir o seu dinheiro. Além disso, garante boas práticas de administração com o intuito de evoluir o negócio como um todo.

Como cada pilar se encaixa no franchising?

Cada pilar da governança corporativa tem seu lugar no sistema de franquias. Confira detalhadamente o papel de cada um deles:

Transparência

A transparência é o mais evidente, pois, desde 1994, a lei que regulamenta o franchising obriga que as franqueadoras disponibilizem a Circular de Oferta de Franquias (COF) para seus potenciais franqueados. Esse documento apresenta informações básicas a respeito do negócio, garantindo que os interessados saibam as nuances da empresa na qual desejam investir.

Após o fechamento do contrato, o pilar de transparência continua quando a franqueadora passa outras informações relevantes do negócio, como fornecedores, mark-up, sistemas de gestão, entre outros.

Responsabilidade

Já o pilar da responsabilidade está diretamente ligado ao da transparência, pois evidencia a necessidade de uma empresa entrar no mercado de franquias apenas com um produto testado, que apresenta resultados concretos em seu segmento.

Também é responsabilidade do franqueador passar adiante o know-how do seu negócio para os seus franqueados, de modo que ambos trabalhem em parceria para a evolução da marca.

Equidade

Por sua vez, a equidade acontece pela garantia da franqueadora de passar o mesmo conhecimento e sistemas de gestão para todos os seus franqueados, ou seja, tratá-los como iguais. Isso inclui os treinamentos, o relacionamento, as oportunidades de negócio e até mesmo sistemas de meritocracia justos.

Prestação de contas

Por fim, como o nome sugere, a prestação de contas ocorre sob a necessidade da franqueadora de mostrar os resultados das suas ações para os franqueados.

Cabe ressaltar que não é uma obrigação da franqueadora ter um conselho de franqueados, mas as ações tomadas em prol da melhoria do negócio e até mesmo o planejamento estratégico da empresa devem ser passadas para esse público, principalmente em negócios que exigem contribuição para o fundo de promoção.

Compreendeu a importância da governança corporativa em sistema de franquias? Então, curta a nossa página no Facebook e nos siga no Twitter para ficar sempre por dentro das nossas novidades e conteúdos sobre franquias!

Você também pode gostar

Recomendados para você

comitês temáticos em franquias
Franquia de Sucesso Comitês temáticas em franquias: entenda como funcionam

Uma das melhores formas de manter uma boa relação no franchising é por meio valorização dos franqueados, pois permite melhorar a comunicação dentro do sistema de franquias. Por isso, estruturas como os comitês temáticos conseguem fazer toda a diferença nesse aspecto. A esse respeito, vale ressaltar que em qualquer relação deve existir uma comunicação saudável […]

Construlino

franquias para investir no Brasil
Franquia de Sucesso Como escolher boas franquias para empreender? Entenda aqui

Muitos brasileiros têm visto o investimento em um negócio próprio como uma boa alternativa para obter estabilidade financeira e, ao mesmo tempo, garantir uma profissão com maior autonomia. Além do mais, ao seguir esse caminho é possível desenvolver serviços em uma área que tenha a ver com seu perfil e qualificação, o que é essencial […]

Construlino

franquia ou negócio próprio
Franquia de Sucesso Franquia ou Negócio Próprio: qual é a melhor opção para investir?

Administrar um empreendimento nunca foi uma tarefa fácil. Em virtude da busca por resultados positivos e a competitividade do mercado, é preciso tomar atitudes corretas e baseadas em informações concretas. Mas, no caminho rumo ao sucesso, muitas dúvidas podem surgir. Uma delas é: trabalhar com uma franquia ou negócio próprio? Em ambos os casos, existem […]

Construlino