5 práticas para lidar com a inadimplência em seu negócio

Por Construlino - 28 de agosto de 2017

O dia a dia de uma empresa gira em torno de conseguir fazer valer o investimento no negócio. Por isso, qualquer tipo de ameaça à conquista de lucro deve ser levada a sério, e a inadimplência é um desses empecilhos e que precisa ser combatida tanto quanto for possível.

Cobrar Clientes Inadimplentes

Se você busca melhorar o seu fluxo de caixa, ganhar mais fôlego para o negócio, diminuir perdas e, também, cuidar para que a sua taxa de lucratividade se mantenha razoável, mas anda tendo alguns problemas com os maus pagadores, confira nossas dicas para cobrar clientes inadimplentes e conseguir melhores chances de resultados para o seu negócio.

1. Tenha um bom cadastro de clientes

Para lutar contra a inadimplência, a primeira coisa que o seu negócio precisa é de um bom cadastro de clientes — sejam pessoas jurídicas ou físicas. Ter informação é muito importante. Do contrário, você e sua empresa podem acabar perdendo dinheiro, simplesmente porque não dispõem de dados suficientes para acompanhar a situação.

Lembre-se, também, que um cadastro atualizado é tão importante quanto um completo, afinal, de nada adianta informação inútil. Quanto ao cadastro, procure ter dados anotados, como: nome, data de atualização do cadastro, formas de contato (e-mail, telefone), endereço, se possível, e também o CPF.

2. Mantenha um bom sistema operacional para cobranças

Além das informações dos clientes, um sistema operacional para gerenciar esse tipo de situação é muito bom. Com ele, você não só consegue tirar relatórios precisos de como andam suas finanças, mas, também, tem muito mais agilidade na hora de consultar informações.

Assim como no caso do cadastro de clientes, esse sistema precisa estar bem atualizado, para que você possa cobrar o que é devido e das pessoas corretas. Essas informações precisam estar registradas de maneira adequada.

3. Não deixe de cobrar clientes inadimplentes

Pode parecer algo muito pouco provável, mas muitas empresas amargam inadimplência sem dar a devida atenção, e acabam deixando de lado as cobranças. Seja por dificuldade em conseguir efetuá-las ou por falta de organização, existem vários desses casos.

Para evitar cair em uma situação como essa, a melhor ideia é montar um cronograma para a realização das cobranças. Assim, nada ficará para trás.

4. Seja cordial e profissional

Um dos segredos na hora de negociar valores com devedores é não ser agressivo e nem fazer ameaças. Quem busca atuar de maneira mais enérgica pode até conseguir algum resultado, mas perderá várias chances de tentar negociar a dívida.

Mantendo uma presença constante, uma postura firme e a cordialidade, a abertura para o diálogo terá mais espaço para acontecer.

5. Esteja aberto para negociar

Todo cobrador precisa ter em mente que podem existir vários motivos para que um inadimplente não tenha ainda quitado a sua dívida. Pode ser o simples esquecimento, a falta de condições financeiras ou qualquer outra coisa.

A questão é que, em alguns casos, vai ser necessário abrir mão de alguma coisa para que se possa conseguir salvar algum valor. Talvez, seja o caso de oferecer um parcelamento ou, mesmo, um desconto para a quitação à vista. Esteja aberto para entender a situação do seu cliente e configure junto com ele uma opção que possa atender os dois.

Realmente, cobrar clientes inadimplentes não é uma tarefa muito agradável, mas que precisa ser feita pelo bem do negócio.

Se você gostou deste conteúdo, mas anda pensando em outras formas de ganhar dinheiro, talvez também queira ler o e-book que preparamos sobre os 5 tipos de investimentos mais rentáveis. Confira!

Você também pode gostar

Recomendados para você

comitês temáticos em franquias
Franquia de Sucesso Comitês temáticas em franquias: entenda como funcionam

Uma das melhores formas de manter uma boa relação no franchising é por meio valorização dos franqueados, pois permite melhorar a comunicação dentro do sistema de franquias. Por isso, estruturas como os comitês temáticos conseguem fazer toda a diferença nesse aspecto. A esse respeito, vale ressaltar que em qualquer relação deve existir uma comunicação saudável […]

Construlino

franquias para investir no Brasil
Franquia de Sucesso Como escolher boas franquias para empreender? Entenda aqui

Muitos brasileiros têm visto o investimento em um negócio próprio como uma boa alternativa para obter estabilidade financeira e, ao mesmo tempo, garantir uma profissão com maior autonomia. Além do mais, ao seguir esse caminho é possível desenvolver serviços em uma área que tenha a ver com seu perfil e qualificação, o que é essencial […]

Construlino

franquia ou negócio próprio
Franquia de Sucesso Franquia ou Negócio Próprio: qual é a melhor opção para investir?

Administrar um empreendimento nunca foi uma tarefa fácil. Em virtude da busca por resultados positivos e a competitividade do mercado, é preciso tomar atitudes corretas e baseadas em informações concretas. Mas, no caminho rumo ao sucesso, muitas dúvidas podem surgir. Uma delas é: trabalhar com uma franquia ou negócio próprio? Em ambos os casos, existem […]

Construlino