• Guincho de coluna 200 kg

    Clique na imagem para ampliar - Imagens ilustrativas, podendo haver diferenças quanto a marca e formato do equipamento disponível.

  • Guincho de coluna 200 kg

    O guincho de coluna de 200kg foi projetado com a finalidade de melhorar e facilitar o transporte de materiais. Este guincho de coluna 200kg reduz custos e o tempo de elevação

    Dúvidas sobre como alugar?

    Leia o contrato de locação
  • Informe

    Quantidade

    Período

    Adicionar ao orçamento

Os guinchos de coluna de 200kg foram desenvolvidos para a elevação de materiais em obras, com segurança e praticidade. Seu projeto construtivo é simples e confiável. Os guinchos de coluna de 200kg proporcionam a agilidade necessária ao bom andamento da sua obra. Entre os modelos disponíveis de guinchos de coluna, são diferentes tipos conforme a tensão elétrica e a capacidades de carga. Essas máquinas são de baixa manutenção e ótima capacidade de precisão na execução do trabalho.

Especificações técnicas

Capacidade de elevação: 200 kg

Potência do motor: 1,25 cv

Velocidade de elevação: 25 m / min

Tensão (v): 127 / 220

Tensão do comando: 48 v

Peso (kg): 45

Diâmetro do cabo: 5 mm

Número de cabos: 1

Comprimento do cabo de aço: 30 m

Comprimento do cabo da botoeira: 3 m

*As especificações técnicas de cada equipamento podem variar de acordo com os fabricantes. As imagens dos produtos/equipamentos são ilustrativas. Consulte uma loja CASA DO CONSTRUTOR em caso de dúvidas.

Cabo de aço Cesta / Balde

NO LOCAL DE TRABALHO:
Verifique se o equipamento não sofreu alguma avaria durante o transporte. Todo e qualquer problema, inclusive de funcionamento, deverá ser comunicado no ato à CASA DO CONSTRUTOR, que tomará as providências necessárias.
Retire do local tudo que possa atrapalhar o serviço.
Isole o local onde se vai trabalhar, não permita o acesso de outras pessoas, especialmente crianças.
Instale o equipamento em local nivelado.
A instalação e desmontagem do guincho, deverá ser feita com mão de obra qualificada e conforme orientação do engenheiro da obra.
O guincho deve ser instalado através de presilhas metálicas a um ponto fixo na obra, devendo o equipamento, mesmo com carga, manter-se nivelado.
Executar no máximo 8 (oito) manobras (liga/desliga) por minuto.
Inspecione diariamente os 3 (três) anéis de trava do cabo de aço com o gancho, apertando sempre que necessário.
Ligue em um circuito elétrico com disjuntor compatível.
Durante as paradas para descanso, troca de acessórios e até mesmo manutenção, desligue o equipamento sempre puxando pelo plug, nunca pelo fio.
O cabo de aço deverá ser lubrificado e inspecionado periodicamente.
A ligação elétrica do guincho, deverá ser feita sempre através de um disjuntor ou chave seccionadora com fusíveis, montada em local de fácil acesso.
Após concluída a instalação elétrica, verifique o sentido de rotação correto do motor, observando na botoeira as posições de sobe e desce.
Instalar o equipamento em local firme e seguro, a CASA DO CONSTRUTOR, não se responsabiliza por fixação mal feita (usar sempre o grampo de segurança 4x30x93).
Aterramento %u2013 Para sua segurança, este guincho, assim como qualquer equipamento elétrico, deve ser ligado ao terra da instalação. Recomendamos o uso de eletrodos terra do tipo Copperweld com diâmetro 5/8%u201D e comprimento de 2,40 m, que deverá ser enterrado na vertical.
Operação %u2013 A operação do guincho, é relativamente simples, para isso deve-se apertar os botões de sobe e desce na botoeira de comando, porém, é necessário observar alguns cuidados:
- Para se elevar cargas até 200 Kg (cabo simples), já acima e até 400 Kg (cabo duplo).
- Elevar a carga sempre no seu ponto de equilíbrio, evitando que ela balance ou dê golpes bruscos no guincho.
- Não permita pessoal sob ou sobre a carga.
- Evite elevar a carga até o fim de curso de segurança.

CUIDADOS ESPECIAIS:
Esse equipamento requer atenção e cuidados especiais quanto ao seu uso e instalação, que somente profissional qualificado poderá fazê-lo.
O período de utilização poderá se estender além do horário de funcionamento da loja, impedindo uma eventual troca do equipamento ou assistência da CASA DO CONSTRUTOR. Recomendamos ao profissional que antes de iniciar a sua utilização,
certifique-se de todo o conhecimento e orientação necessária.
Verifique se a tensão no local é compatível com o equipamento.
Faça o aterramento do equipamento.
A operação de máquinas e equipamentos que exponham o operador e terceiros a riscos, só pode ser feita por trabalhador qualificado e identificado por crachá (NR-18.22.1).
Observar as recomendações das normas NR-18 e NR-12.
Utilize somente extensões do tipo PP, sem emendas ou fios descascados. Desenrole toda a extensão antes de usa-lá.
Para distâncias até 10m- fios 2,5mm²; até 20m -fios 4mm² e até 30m-fios de 6mm². Acima de 30m, não recomendamos o uso de extensões. Neste caso, sugerimos como alternativa o uso do gerador.
Não trabalhe sob chuva.
Não utilize equipamentos elétricos em locais úmidos ou na presença de gases e líquidos inflamáveis.
Não opere o equipamento sem a trava de segurança no gancho.
Não segure, nem direcione o cabo de aço com as mãos - risco de acidentes.
Nunca transporte pessoas no guincho.
Importante: Faça sempre uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), adequados a cada tipo de equipamento.

CUIDADOS PARA TRANSPORTAR:
Nos veículos de transporte, fixar o equipamento para evitar que se desloque causando danos ao equipamento, ao veículo, a terceiros e ao próprio condutor.
Pessoas e equipamentos não podem ser transportados no mesmo compartimento.
Certifique-se de levar os complementos e acessórios necessários.
Em tempos chuvosos cuidar para que os componentes elétricos do equipamento não fiquem expostos.
O transporte deve ser realizado respeitando-se o limite de peso e dimensões do veículo, fixando os equipamentos.