• Escoras metálicas 4 m

    Clique na imagem para ampliar - Imagens ilustrativas, podendo haver diferenças quanto a marca e formato do equipamento disponível.

  • Escora metálica 4,50 m

    Escoras Metálicas 4,5m são excelentes equipamentos que servem para escorar provisoriamente elementos estruturais (lajes, vigas), suportando pontualmente as cargas conforme sua capacidade. A maior vantagem de uma escora metálica 4,50m é a praticidade, além da rapidez, segurança e economia, sendo muito fácil montar e desmontar. Cimbramento ou Escoramento - Conjunto de escoras de uma determinada laje ou viga.

    Dúvidas sobre como alugar?

    Leia o contrato de locação
  • Informe

    Quantidade

    Período

    Adicionar ao orçamento

Pela facilidade de montagem e versatilidade a escora metálica 4,50m permite montagens rápidas e seguras proporcionando alta produtividade em sua obra. O sistema é leve e de alta capacidade de carga. As sapatas e forcados possuem ajustes milimétricos na altura, possibilitando alinhamento vertical e prumo adequados, as vigas metálicas com alma de madeira proporcionam melhor fixação das fôrmas. Nosso sistema conta ainda com 4 tipos de escoras metálicas que atingem alturas de 2000 a 4500 mm, travamento de pilar, consoles de trabalho e vários acessórios que vão otimizar a execução da sua obra.

Especificações técnicas

Capacidade de sustentação: 1500 kg

Altura máxima: 2 a 4,5m

Peso (kg): 22,75

*As especificações técnicas de cada equipamento podem variar de acordo com os fabricantes. As imagens dos produtos/equipamentos são ilustrativas. Consulte uma loja CASA DO CONSTRUTOR em caso de dúvidas.

NO LOCAL DE TRABALHO:
Verifique se o equipamento não sofreu alguma avaria durante o transporte. Todo e qualquer problema, inclusive de funcionamento, deverá ser comunicado no ato à CASA DO CONSTRUTOR, que tomará as providências necessárias.
Retire do local tudo que possa atrapalhar o serviço.
Isole o local onde se vai trabalhar, não permita o acesso de outras pessoas, especialmente crianças.
O local onde se vai escorar deve estar nivelado, firme, compactado, preferencialmente com o contrapiso já executado, a fim de suportar as cargas e não ceder no caso de chuva, sobrecarga e outros.
Para montagem das escoras deve-se regular a altura da flauta ,com o gancho, depois dar os ajustes finais com a porca.
Para desmontagem nunca bata no pé da escora. Com uma alavanca solte a porca no sentido anti-horário e a escora logo estará solta.
O tempo de desmontagem das formas e escoramento é variável e deverá seguir as orientações do profissional habilitado responsável pela obra (Engenheiro / Arquiteto).
No caso de lajes pré moldadas, o fabricante deverá indicar as linhas de escoras e o engenheiro da obra determinar a quantidade necessária.
Os suportes e escoras de formas devem ser inspecionados antes e durante a concretagem por trabalhador qualificado (NR-18.9.3).
No local onde se executa a concretagem, somente deve permanecer a equipe indispensável para a execução desta tarefa (NR-18.9.10).
É obrigatória a colocação de pranchas de madeira firmemente apoiadas sobre as armações nas formas, para a circulação de operários (NR-18.8.4).
Durante a concretagem principalmente com uso de bombas de concreto deve-se evitar o descarregamento acidental de concreto num só local, ocasionando carga acidental não prevista.

CUIDADOS ESPECIAIS:
A operação de máquinas e equipamentos que exponham o operador e terceiros a riscos,
só pode ser feita por trabalhador qualificado e identificado por crachá (NR-18.22.1)
Observar as recomendações das normas NR-18 e NR-12.
Não trabalhe sob chuva.
Somente profissionais legalmente habilitados (engenheiros e arquitetos) podem fazer projeto de escoramento e determinar a correta utilização de cada escora e acessórios.
As formas devem ser projetadas e construídas de modo que resistam às cargas máximas de serviço. (NR-18.9.1).
Quando for necessária a montagem, próximo às linhas elétricas energizadas, deve-se proceder ao desligamento da rede, afastamento dos locais energizados, proteção das linhas, além do aterramento da estrutura e equipamentos que estão sendo utilizados. (NR-18.10.8).
Cuidados especiais devem ser tomados quanto ao travamento das escoras nos dois sentidos, uma vez que as mesmas somente resistem a esforços de compressão ao seu eixo vertical.
A CASA DO CONSTRUTOR - Aluguel de Equipamentos não está apta a orientar sobre o número de escoras e seu posicionamento. Somente o engenheiro responsável pela obra, sabedor das cargas e sobrecargas do projeto, poderá fazê-lo.
Importante: Faça sempre uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), adequados a cada tipo de equipamento.

CUIDADOS PARA TRANSPORTAR:
Nos veículos de transporte, fixar o equipamento para evitar que se desloque, causando danos ao mesmo, ao veículo, a terceiros e ao próprio condutor.
Pessoas e equipamentos não podem ser transportados no mesmo compartimento.
Certifique-se de levar os complementos e acessórios necessários.
O transporte deve ser realizado respeitando-se o limite de peso e dimensões do veículo, fixando os equipamentos, formando uma carga rígida e bem distribuída.